Mulher é presa em São Manuel acusada de usar agência do Correios para receber entorpecentes
14/09/2020
Mulher é presa em São Manuel acusada de usar agência do Correios para receber entorpecentes

Policiais e agentes fizeram várias diligencias e localizaram a indiciada na Cohab II, momento em que lhe deram voz de prisão preventiva por crime de associação ao tráfico de drogas, sendo que seu marido havia sido capturado dias antes

 

Agentes da Guarda Civil Municipal (GCM) e policiais civis do Setor de Investigações Gerais (SIG), de São Manuel, deram cumprimento ao mandado de prisão preventiva contra uma mulher de 26 anos, que seria companheira de um cidadão preso na sexta-feira da semana passada, dia 11, por tráfico de drogas e associação ao tráfico, acusado de se utilizar a agência do Correios daquela Cidade para receber entorpecentes. O trabalho investigativo apurou que ela também tinha envolvimento com o crime.

Policiais e agentes fizeram várias diligencias e localizaram a indiciada na Cohab II, momento em que lhe deram voz de prisão preventiva por crime de associação ao tráfico de drogas. A acusada foi conduzida ao plantão permanente de Botucatu, tendo a voz de prisão ratificada. Após o depoimento a mulher acabou recolhida junto à cadeia pública de Porangaba, onde permanece à disposição da justiça.

 

Mais uma prisão

O companheiro dessa mulher foi preso pelos policiais militares de São Manuel com apoio do canil setorial de Botucatu, na última sexta-feira. Na ocasião os policiais deslocaram-se até a agência e contataram o gerente daquela unidade para que fosse realizada uma varredura no local e os cães farejadores indicaram uma caixa que continha entorpecente. 

De posse do endereço da correspondência e de informações do destinatário, iniciaram diligências sendo localizado um rapaz que foi detido com mais drogas dentro do veículo que conduzia na Avenida Theófilo Portela.  O indivíduo confessou que havia comprado pelos Correios.

Durante a apresentação da ocorrência na delegacia de Polícia Civil de São Manuel em contato com o delegado e investigadores, foi realizada nova diligência conjunta em outros locais, sendo preso um rapaz alcunhado de Careca, já conhecido na criminalidade, e com ele havia mais drogas. Ao lado de Careca estava outro indivíduo.

Foi detectado que esse traficante detido no veículo e o vulgo Careca faziam o tráfico de drogas em festas de alto poder aquisitivo. Indivíduos foram autuados em flagrante delito pelo crime de tráfico de drogas e permaneceram à disposição da justiça para a audiência de custódia.


CURTA NOSSO FACEBOOK

VÍDEO EM DESTAQUE

PREVISÃO DO TEMPO

INDICADOR ECONÔMICO

© Tribuna de Botucatu todos os direitos reservados.